7 de set de 2010

Minha Voz pela Liberdade



Esta obra autobiográfica é o testemunho extraordinário de Ani Choying Drolma, uma monja budista nepalesa que tem consagrado a sua vida a salvar dezenas de jovens suas compatriotas de um destino dramático à merce da tirania dos pais e dos maridos. Ela própria vítima de maus tratos familiares, cedo decidiu enveredar pela vida religiosa como forma de se libertar de uma vida de servidão e de violência e de poder ajudar os outros. Inspirada por uma determinação inabalável, transformou o ódio em compaixão, a subjugação em liberdade e o sofrimento em paz interior e iniciou uma jornada de solidariedade combatendo a pobreza e a ignorância. Adotou dezenas de crianças desfavorecidas e construiu uma escola para lhes proporcionar a educação que o seu país lhe nega. Os seus dotes vocais extraordinários providenciou-lhe o financiamento dos seus projetos e catapultou-a para o estrelato musical, não só no seu próprio país mas também na Alemanha, Japão e Estados Unidos. A sua voz atravessa fronteiras e conquista audiências, sempre ao serviço da liberdade das jovens nepalesas.

Ani Choying Drolma, nasceu em Kathmandu, Nepal em 1971. Aos doze anos foi aceita como monja no mosteiro budista Nagi Gompa onde o mestre Tulku Urgyen Rinpoché lhe deu proteção e a ajudou a ultrapassar o medo provocado por anos de violência doméstica. O seu incrível sucesso no mundo da música é apoiado por nomes tão sonantes como Tina Turner, Tracy Chapman ou Celine Dion. A Minha Voz Pela Liberdade, o seu testemunho de vida teve o apoio inestimável da sua santidade, o Dalai Lama.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails